04/05/2009

india

A cultura indiana respresenta uma das culturas mais antigas da história que, com o passar dos séculos, recebeu várias influências tanto orientais como ocidentais. Essa cultura é considerada rica e diversificada em muitos aspéctos como linguagem, arte, música e cinema. Apesar dessas diversidades, o povo indiano é extremamente ligado à nação e aos ancestrais, o que a torna uma sociedade muito tradicional.


Cultura, conhecimento e sociedade

02/03/2009

A palavra cultura significa um conjunto de modos de vida criado e transmitido de uma geração para outra entre os membros de determinada sociedade. A cultura abrange conhecimentos, símbolos valores, crenças, artes, normas, costumes e muitos outros elementos.

Como por exemplo, a cultura indiana. Ela é muito rica e diversificada, pois recebeu várias influências orientais e ocidentais, ao longo de sua história. Apesar dessa diversidade presente na sua cultura, o povo indiano é extremamente ligado à nação e aos seus ancestrais, o que os torna uma sociedade muito tradicional.

Para termos uma ideia dessa grande diversidade, na Índia existem seis religiões principais, 1652 linguas vernáculas (sem agregação de estrangeirismos) e 67 línguas de ensino escolar, em diversos níveis. No entanto, a religião predominante é o hinduismo e a língua oficial do país é o híndi.

Quase tudo na Índia é relacionado com a espiritualidade. Porém, o grande propósito da cultura indiana é o conhecimento, e toda essa importância dada às religiões se deve ao princípio de que o propósito da vida na Terra é sair da escuridão da ignorância e chegar à luz do conhecimento. O que muita gente não sabe é que o conceito do Zero nasceu na Índia, e também que a primeira universidade existiu em Nalanda, no Estado de Bihar, nos tempos ancestrais.

A matemática de hoje em dia deve à Índia todo o seu fundamento, pois todo sistema de numeração é hindo-arábico, ou seja, os árabes buscaram na Índia e difundiram os algarismos que usamos até hoje. A fórmula de Bhaskara que foi criada na Índia é usada para resolver todas as equações de segundo grau.

Os indianos valorizam sua cultura transmitindo características e valores únicos: a culinária rica em temperos e especiarias, as vestimentas femininas sempre muito coloridas, a forte espiritualidade, a crença em deuses, os símbolos com diferentes funções e significados, os diversos cultivos, entre outros.

Além de valorizar as religiões e crenças, a sociedade indiana também valorisa o conhecimento e a ciência. Um exemplo disso são os avançoes na área da tecnologia da informação. Hoje esse país tem exportado PhD’s na área de softwares par ao mundo todo, especialmente para a Europa e EUA. As universidades na Índia oferecem ótimas oportunidades para essas áreas.

Este avanço se deu pelo sistema educacional indiano, que é excelente pois o país foi colônia inglesa até 1947. Ou seja, o sistema é britânico, o melhor do mundo. Os estudantes destas escolas ainda podem contar com os tradicionais crusos envolvendo assuntos místicos e associar às aulas com o curso de inglês – apesar de a língua não ser oficial, a maioria da população fala o idioma.

Na cidade de Bangalore, foi formado grande tecnopólo ligado à produção de softwares. Nele, estão instaladas importantes universidades e centros de pesquisa: o Centro de Estudos Tecnológicos, a Universidade de Bangalore, a Organização de Pesquisa Espacial Indiana, o Instituto Indiano de Administração, o Instituto Indiano de Ciências, o Instituto de Pesquisas Raman, o Instituto Nacional de Estudos Avançados e o Centro Jawaharial Nehru para a pesquiesa científica avançada.

Por fim, Apesar da Índia ter sofrido grandes modificações ao longo da história, com a crianção de centros urbanos, universidades, um parque industrial, entre outros, não perdeu suas características e valores culturais. É um dos países mais místicos do mundo, com uma cultura extremamente interessante.


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.